Seguidores

Siga-nos por E-mail

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Pulgas?!


A alergia à picada de pulgas é a doença de pele mais comum em cães e gatos nas regiões da América do Norte, Europa Ocidental e Mediterrâneo, por possuírem um clima quente e úmido. Quando uma pulga pica o animal, ela injeta uma pequena quantidade de saliva dentro da pele, desencadeando uma reação de hipersensibilidade (alergia) a componentes existentes na saliva da pulga.
Embora as pulgas estejam presentes comumente durante todo o ano, a doença usualmente começa durante o verão e gradualmente tende a ser um problema perene.



A coceira é o sinal clínico primário observado pelo proprietário de cães e com o prurido, formam-se crostas e escamas nas costas, mais próximo ao rabo e nas patas traseiras. Também pode ocorrer o aparecimento de pápulas (lesão pequena, sólida, em relevo e com menos de 1 centímetro de diâmetro) no abdômen. Gatos podem se coçar excessivamente ou arrancar os pêlos, formando pápulas e crostas nas costas, podendo se expandir para o pescoço e/ou abdômen, com pêlos partidos e perda de pêlos. A única forma de tratamento segura e em longo prazo para dermatite alérgica a pulgas é manter o animal sem mordidas de pulgas, matando as pulgas do animal e do ambiente. Com o uso do HomeoPet Paracanis, o organismo do seu animal ficará resistente as pulgas e ele não desenvolverá alergias, mas lembre-se que é importante dedetizar o ambiente, pois somente uma pequena porcentagem destes insetos estão presente nos animais e uma grande porcentagem está presente no ambiente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário