Seguidores

Siga-nos por E-mail

sábado, 11 de maio de 2013

Feliz Dia das Mães!


Ei, você!
Você que transou, engravidou, pariu e hoje é mãe.
Você que acha um amor quando seu filho de 5 anos coloca as mãos sujas de picolé de uva no papel de parede creme da sala.

Ei, você!
Que trocou fralda de nenê, que passou noites em claro fazendo-o dormir, ou simplesmente observando a perfeição daquele ser.
Você, que já saiu as 3 da manhã pro Pronto Socorro. Que já faltou no trabalho pra ficar em casa cuidando do filho.

EI, VOCÊ!!!!
Que vem aqui em casa e reclama que tem muito pelo de gato.
Que me acha louca por chamar meu gato de filho.
Que ri alto quando eu peço licença ao meu gato pra sentar no sofá.

VOCÊ!
Que acredita que eu tenha algum problema mental porque adotei 10 animais de rua!
Que acha que tem algo errado comigo porque eu nunca quis engravidar!

Sabê o que você precisa saber sobre nós duas?
QUE NÓS SOMOS IGUAIS!

Eu também já fiquei em casa cuidando do meu cachorro.
Já saí correndo às 4 da manhã com ele no colo, chorando, pro veterinário de plantão.
Já tremi as pernas de medo, já parei de respirar, já fiquei dezenas de noites sem dormir por causa dos meus filhos!

Até hoje eu limpo merda. A mesma merda que você limpou com todo prazer do seu querido bebezinho. E fede, né? Mas a gente ama.

Eles vomitam no meu tapete sim. E quantas vezes seu bebê não regurgitou na sua roupa de festa?

E aquelas mãos babadas de papinha, que vão por tuuuuudo? E você beija aquelas mãos, come o resto babado que o bebê não quis mais.

E quando ele mija no colchão porque não deu tempo de ir ao banheiro?
Quantos enfeites ele já não quebrou?
E o sofá da sala que ele pintou de canetinha e você achou uma graça?

Que direito você tem de recriminar o que eu faço pelos MEUS filhos?
Eles mijam, cagam, vomitam, me enchem de alegria, quebram tudo, se divertem, e são muito felizes.

Minha casa é a casa deles. Os brinquedos deles estão todos espalhados pelo chão. Eles passam o dia brincando.

Os seus também fazem isso né? Não é um amor?

Você também não enche o peito e fala "Esse é meu filho!"?
Não é um orgulho enorme? Não são lindos nossos filhos?

Eu escolhi não ter filhos humanos, porque tudo o que eu preciso encontrei num animal de rua. Eles me completam, assim como seu filho te completa.

Só que você acha que seus filhos vão cuidar de você quando você envelhecer.
Já eu, carrego a certeza que meus filhos já estarão mortos quando eu ficar velha. Eles não cuidarão de mim.

Mesmo assim, com todo amor de mãe que um coração possa habitar, eu levanto todos os dias, trabalho, dou tudo do bom e do melhor que minha situação permite, passo noites no veterinário, converso com eles, respeito cada um e suas personalidades distintas.

E você chama esse amor de egoísmo?
Amar animais é desequilíbrio emocional?
Desequilíbrio é o que seu filho me causa quando me assalta, quando tira minha segurança, quando tenho medo de passear com meu cachorro porque seu filho vai me dar um tiro pra roubar o meu celular.

Ei, mamãe. Cala a boca e cuida do seu filho. Porque o meu não faz mal à ninguém.
E domingo que vem, venha até o meu mural me parabenizar.

PORQUE EU TAMBÉM SOU MÃE!
Parabéns a todas as mães desse mundo, não só hoje, nem só domingo, mas todos os dias das nossas vidas.

Porque parir qualquer uma pode.
Adotar é para os fortes.

Érica Kamisaki, orgulhosa mãe de 8 gatos e 2 cachorros, todos resgatados da rua.

------------------------------------------------------------
Devido à tamanha polêmica que meu post causou, deixa eu esclarecer algumas coisinhas.

Primeiro, quando digo "o seu filho vai me assaltar", provavelmente as pessoas que sabem quem são seus filhos não se ofenderam e nem acharam que chamei-os de marginais. "O seu filho" é o moço de 16 anos que estuprou a filha de alguém no ônibus esses dias. É o cara que assaltou meu sobrinho semana passada. É o bandido qualquer, que existe em qualquer esquina, que por N motivos que sinceramente não me interessam, veio a se tornar bandido.

Segundo, eu não tenho transtorno algum. Comprovadamente tenho um alto grau de inteligência, comprovadamente tenho uma personalidade forte, e claramente expresso o que sinto, doa a quem doer.

Terceiro, eu não sofro de carência afetiva, me relaciono extremamente bem com as pessoas, amo meus pais (que não partilham do mesmo amor aos animais do que eu), tenho dois sobrinhos e uma sobrinha que sempre visitam meus filhos, não bato em crianças, não tenho a MENOR intenção em ter uma criança, pior ainda em ADOTAR uma CRIANÇA, e MUITO MENOS em CRIAR uma criança em minha casa.

Amo crianças, bem longe de mim. Respeito as pessoas que nasceram para ser mães, como uma pessoa que conheci, que mal tinha o que comer, com 6 filhos e o sétimo a caminho, mas, novamente, ter filhos não é opção na minha vida. Realmente não quero. Desde pequena, aos 5, 6 anos de idade, eu já brincava de fazendinha enquanto minha irmã brincava de Barbie. Novamente, respeito a vontade de cada pessoa de ser mãe de qualquer coisa.

Por último, mas não menos importante, o mural é meu, você vem aqui se você quiser, eu posto o que eu tiver vontade, e não sou responsável por aquilo que você entende.

De maneira alguma preciso da sua aceitação, mas gostaria muito que as pessoas, no geral, respeitassem a escolha de vida dos outros. Tem gente que gosta de ver rincha de cachorro. Tem gente que gosta de observar outras pessoas fazendo sexo. Tem gente que gosta de bandido. Tem gente que trata bicho como filho. Tem gente que se excita com boneca inflável. Eu não necessariamente concordo, mas respeito.

Afinal, cada um na sua. A vida é sua, só você sabe o que te aconteceu e como você chegou até aqui. Só você sabe o que você carrega aí no fundinho do seu coração.

Não importa quem diga nem de que forma seja dito, jamais deixarei de amar meus animais, e todos os animais em geral. Não mudarei a opção de comprar uma coxinha para um cachorro na rua com meu último real no bolso.

Já ajudei muita criança de rua que se encostou chorando no meu carro contando historinha. Já me arrependi muito de ter ajudado crianças que se encostaram no meu carro e voltei a encontrar na semana seguinte, contando a mesma historinha.

Sabe como eu me senti? Uma idiota. Acabei de dar R$ 10,00 para um mentiroso que usou da minha solidariedade para me enganar. Preferia ter voltado no tempo e comprado 10 coxinhas para 10 cachorros.

Eu tenho os meus motivos para ser como eu sou. Minhas experiência me trouxeram até aqui. Você, pai ou mãe de uma criança, também teve suas escolhas e suas experiências. Você também tem todo direito de achar que ter uma criança em casa é a melhor coisa do mundo. Você tem todo direito de ter nojo de animais. De achar que eles são sujos, que transmitem doenças.

Assim como eu tenho direito de achar que criança esperneando no supermercado não é bonitinho. Que criança de 4 anos mandando a mãe tomar no cu não é legal. Que aluno mandando a professora se foder não é educado. Não digo que O SEU FILHO esteja fazendo isso. Mas isso acontece, todo dia, em todo lugar.

Assim como o filho de alguém abandona um animal todos os dias, em algum lugar.

Vai saber, se eu não tivesse engravidado aos 18 anos, não teria gostado e hoje tivesse 5 filhos e odiasse o cachorro que fica latindo e só me dá despesa?

Mas não. ESCOLHI, por livre e espontânea vontade, ADOTAR 10 animais que O FILHO DE ALGUÉM abandonou.

E, pra ser sincera, OBRIGADA FILHO DE ALGUÉM, você me fez uma pessoa MAIS feliz!

Eu continuo cegamente acreditando que, quem realmente tem distúrbios, são as pessoas que sentem prazer ao verem animais sofrendo, jogando água quente no lombo de um cachorro, enfiando bombinha no ânus de um gato, dando paulada, chutando, amarrando atrás do carro e puxando.

Novamente, não sou responsável por aquilo que você entende.
Se ofendeu, magoou, não gostou, meu lema é, sempre foi, e sempre será:
FODA-SE.

E continuo dando parabéns às mamães e papais de filhos de quatro patas!

Eu, Ivanise, Mãe de 13 Filhos de 4 Patas (4 Falecidos, mas continuam MEUS FILHOS), partilho de TODAS as colocações desta moça. Não a conheço, mas a ADMIRO! Parabéns Érica!
Feliz Dia das Mães á todas as mães que acessam este Blog

Pessoal! Conheçam a nossa Fan Page! Curtam-nos! 

Comunidade

Aguardo por vocês!

Nenhum comentário:

Postar um comentário